Casamento judaico

28 de set de 2011

às 04:35

Hoje é comemorado o Ano Novo Judaico.

Confesso que conheço muito pouco as tradições judaicas então fui pesquisar um pouco sobre o assunto, principalmente no que diz respeito a casamento.

Acho muito bonito quando um casal segue as tradições da sua religião ou crença.

Um pouco mais sobre cada passo do casamento Judaico.



Chupá – o pálio nupcial

A cerimônia do casamento deve ser realizada preferivelmente sob céu aberto, lembrando a bênção de D'us para que a semente de Avraham fosse tão numerosa como as estrelas. A cerimônia ocorre sob a chupá, cobertura ou proteção, que representa a casa que o novo casal irá estabelecer unido.

Da mesma forma como a tenda de Avrahan era aberta nos quatro lados para acolher hóspedes de todas as direções, a chupá aberta simboliza o desejo de sempre ter um lar aberto e acolhedor.

A chupá também relembra a Revelação no Monte Sinai, onde o povo de Israel foi consagrado a D’us, quando Ele ergueu a montanha sobre suas cabeças como uma chupá. A chupá também lembra o Mishcan, Tabernáculo, o Santuário de D’us, construído no deserto do Sinai. Seu teto foi feito de tapeçarias apoiadas sobre colunas de madeira, como a chupá.

A felicidade se desenvolve a partir do total de pequenas minúcias e detalhes que constituem a vida cotidiana de um casal. Respeitando o próximo em áreas maiores é apenas civilidade. Respeito e consideração nos pequenos detalhes é indicativo de um relacionamento realmente afetivo e saudável.



As sete voltas

Ao chegar à chupá a noiva circunda o noivo sete vezes. Este tipo de devoção é simbolizado por um círculo, que não tem início nem fim, representando uma dimensão que está além dos limites; que é total. O circundar da noiva em torno do noivo representa o seu investimento no casamento por um compromisso absoluto à construção de um lar de acordo com a vontade de D’us. A aliança que o noivo oferece à noiva representa o seu investimento de uma devoção ilimitada e essencial a D’us, Sua Torá e mitsvot.

Kidushin – consagração

Já que o casamento é uma mitsvá, preceito Divino, uma bênção é recitada antes de sua execução em agradecimento pela santificação de D'us à união.

O casamento judaico torna-se cadosh através de todo o significado que permeia a cerimônia em todos os detalhes, através de kidushin, consagração, e os alicerces que deverão formar o novo lar e o relacionamento do casal.



A aliança

A entrega da aliança pelo noivo e sua aceitação pela noiva constitui o ato central da santificação do casamento. É um vínculo eterno que fica estabelecido. A aliança simboliza o elo numa corrente, também um círculo sem fim representando o ciclo da vida.

O ato de dar o anel também simboliza a transferência de poder e autoridade. Assim o marido simbolicamente transfere à sua nova esposa a autoridade sobre seu lar e tudo que se encontra nele. A partir deste momento tudo em sua vida será repartido. O anel também simboliza a proteção que o marido dá a sua esposa; assim como o anel envolve o dedo, também ele envolve a esposa. A aliança simboliza a confiança e lealdade que envolve o casal pelo resto de sua vida.

Antes de colocar a aliança o noivo diz: “Com este anel, tu és consagrada a mim conforme a lei de Moshê e Israel” e as testemunhas falam: “Está casada”.



Ketubá –  o contrato de casamento

O contrato matrimonial especifica as responsabilidades do marido para com sua esposa, como provê-la com alimento, roupa e direitos conjugais.

A assinatura da Ketubá, contrato judaico de casamento, demonstra que os noivos não vêem o casamento apenas como uma união física e emocional, mas também como um compromisso legal e moral.



O ato de quebrar o copo

O ato final da cerimônia é a quebra de um copo de vidro pelo noivo, lembrando que mesma na maior alegria pessoal devemos lembrar a destruição do Templo Sagrado de Jerusalém e continuar a almejar pela sua reconstrução.

Fonte Chabad| Imagens 1000 Layer Cake, Sarah Yates

Compartilhe: Tweet This ! Share On Facebook !
Curta:

4 comentários:

  1. Mazel Tov! Embora eu seja católica, tive a felicidades de ter um casamento com mtos preceitos judaícos, como a chupá, as kipás, a menorah e tbém dei as 7 voltas em torno do meu escolhido.

    ResponderExcluir
  2. É verdade Dari, tu teve várias coisas judaicas!!
    Que legal!! Eu acho muito legal!
    Bjs
    Paula

    ResponderExcluir
  3. Uma de minhas cunhadas teve um casamento judaico e foi lindo! Com certeza a cerimônia judaica de casamento é uma das mais lindas e cheia de significado, foi muito emocionante!

    ResponderExcluir
  4. desejamos o melhor para este casal de bons aogmis as fotos ficaron mmm bonissimassssss . e espero ver voces em breve parabens e muita felicidades e amor por 100pre .abracos da galega pra vcs.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Sempre Noiva © Copyright 2012
Design por Delikka