Sempre Juntos | Alessandro + Renata

10 de fev de 2014

às 08:30

Semana passada publiquei aqui no blog o convite dos padrinhos da Re e do Ale.
Foi o maior sucesso!
Hoje é dia de ver como foi o casamento deles.
Pelo carinho e delicadeza do convite que mostrei, vocês podem imaginar como foi esse casamento né?
Uma fofura só! Completamente cheio de detalhes e em um lugar que eu acho super charmoso, a Villa Antonieta, na grande Porto Alegre.
O destaque ficou, sem dúvida, com o Gazebo de Doces. Estou loucamente apaixonada por ele!!!!

Re: o carinho com que tu planeja tudo é contagiante!



















































































NOME DOS NOIVOS: Renata & Alessandro
DATA DO CASAMENTO: 23/11/2013
ALIANÇAS: Safira
BOLO: Mariana Boll
BUFFET: Barcelos Gastronomia
CABELO E MAQUIAGEM: Art's Visage Corpo e Cabelo
DJ: Sandro Santos (Profisom)
LOCAL CERIMÔNIA RELIGIOSA: Villa Antonietta (mesmo da festa)
CERIMONIAL: Fernanda Dutra (Santa Festança)
DECORAÇÃO: Itens DIY feitos pela noiva e mãe da noiva / Personalité Eventos por Gisele Serafim {Arranjos e montagem}
DOCES: Feitos pela mãe da noiva
FOTOGRAFIA: Liliane Gimenez & André Ricardo
ILUMINAÇÃO/SONORIZAÇÃO: Profisom
LISTA DE PRESENTES: Icasei
MÓVEIS: Próprios da Villa Antonietta
NOIVINHOS: Jaqueline Konrath Art & Design em Arame
LEMBRANCINHAS: Feitas pela noiva e mãe da noiva
PAPELARIA: Feito pela noiva
LOCAL DA RECEPÇÃO: Villa Antonietta
ROUPA DO NOIVO: Tevah
VESTIDO: Clélia Noivas

Como foi a noite anterior ao grande dia?
Uma loucura! A casa da minha mãe estava cheia: eu, minha tia, minha avó e uma prima, todas ajudando minha mãe na finalização dos doces do casamento. Mesmo com tanta coisa ainda por fazer, o pessoal insistiu para que eu saísse um pouco pra relaxar. Então eu e o Alessandro fomos jantar fora com um casal de padrinhos para ficarmos ao menos umas horas sem preocupações. Mesmo assim, quando retornamos do jantar, voltei para o trabalho com os doces. E na manhã do casamento, com o cabelo todo enrolado, fui até a Villa Antonietta levar os benditos! Só depois disso é que consegui realmente relaxar.

Qual a música mais marcante?
Acho que todas as músicas da nossa cerimônia... difícil escolher uma, pois todas tiveram um significado especial. Ainda choro quando ouço qualquer uma delas.
Foram elas: Engenheiros do Havaii - 3x4 {Entrada do Noivo} / Ira! - Tarde Vazia {Entrada dos Padrinhos} / Marisa Monte - Vilarejo {Entrada das Madrinhas} / Nando Reis e Ana Cannas - Pra Você Guardei o Amor {Entrada da Noiva} / Cidadão Quem - O Amanhã Colorido {Entrada da Daminha com as Alianças} / Marcelo Jeneci - Pra Sonhar {Benção das Alianças e troca das mesmas} / Jota Quest - Palavras de um Futuro Bom {Saída}.

Qual o destaque gastronômico?
Estava tudo muito bom, tanto o buffet quanto o bolo... mas certamente o destaque foram os doces feitos pela minha mãe! Todos adoraram e elogiaram muito =)

Algo velho, emprestado, novo e azul?
Velho: O esmalte que escolhi;
Emprestado: Juro que esqueci desse item, mas pensando bem, usei no cabelo muitos grampos que foram "emprestados" hahaha.
Novo: O sapato, os brincos, a pulseira.
Azul: Meu corsage e o broche do meu bouquet.

Qual o momento mais emocionante da noite?
Certamente o momento que eu desci do carro, já ouvindo a música de entrada do noivo tocar, recebi um beijo do meu pai e aí sim, veio aquele pensamento de que "isso está mesmo acontecendo". Tive realmente que respirar fundo, pois meus olhos encheram d'água! Acho que senti um misto de sentimentos que não consigo explicar.

Faria algo diferente?
De jeito algum.
Foram muitos meses de planejamento, de MUITO trabalho, de stress... mas tudo valeu a pena. Eu decidi fazer muita coisa praticamente sozinha, mas tive a felicidade de ter minha mãe pra me ajudar nas minhas loucuras! Fizemos os convites do casamento, os convites dos padrinhos, as lembrancinhas, toda a papelaria, a ornamentação que ficou sobre a mesa dos doces (plaquinha e passarinhos), os números das mesas, os porta guardanapos, as caixas de lavabo, bolamos os kits de cerimônia que ficaram sobre as cadeiras, as placas rústicas que ficaram no jardim, o bouquet de flores de tecido que eu joguei para as solteiras, de última hora inventei de fazer os "place cards", que são aquelas plaquinhas que ficaram penduradas na entrada do salão e identificavam a mesa que cada convidado iria ocupar... e ainda os doces do casamento, que não consegui pensar em outra pessoa senão minha mãe para fazê-los. Enfim, foi muita coisa MESMO, chegamos a questionar se valia a pena ter tido tanto trabalho, mas depois, quando vimos tudo montado e o encantamento dos convidados, tivemos a certeza de que não tinha como ser diferente, de que todo o esforço para termos uma festa com a nossa cara valeu a pena!

Dica dos noivos:
Façam a festa com a cara de vocês. Stress sempre vai existir, mas 10 minutos antes de você ir para a cerimônia, jogue ele pra fora da sua cabeça e aproveite seu momento ao máximo, pois esse dia nunca mais vai se repetir. =)

Compartilhe: Tweet This ! Share On Facebook !
Curta:

1 comentários:

  1. Nossa!!! Eu realmente amei este casamento!!! Lembrei muito do nosso casamento celta!

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Sempre Noiva © Copyright 2012
Design por Delikka