Sempre Juntos | Pablo + Rebeca

17 de mar de 2015

às 08:30

Um relato escrito pelo noivo, e cheio de dicas! Como não morrer de amores por esse casamento? 
O casamento do Pablo e da Rebeca foi lindo!
Aconteceu no final do ano passado, no hotel Ritta Höppner, em Gramado.
Ele teve muitas características dos casamentos americanos, como noivos e padrinhos sem paletó, mas ao mesmo tempo tinha um jeitinho da serra gaúcha todo especial.
A mesa de doces era tão linda e fofa que dá vontade de ter uma dessas em casa!

Acompanhe o relato do noivo e as lindas fotos feitas pelo Robson Nunes:



"Nos conhecemos há mais ou menos 14 anos. Hoje ainda somos tudo o que fomos desde nosso primeiro "oi"! Amigos, namorados, noivos e agora, casados! Entre indas e vindas, nos reencontramos em 2010, enquanto eu morava em Curitiba e ela em Porto Alegre. Decidi voltar para Porto, reatamos o namoro, em 2011 veio o noivado e em 06/12/2014 o dia mais feliz de nossas vidas, o casamento!

 Quem já passou sabe como o mix de sensações é difícil de descrever. A ansiedade, a felicidade e o nervosismo. Claro que, diferentemente da maioria dos posts do blog, que são escritos pelas noivas, algumas coisas podem parecer mais simples, já que é o noivo que está escrevendo! Mesmo assim, já de antemão eu digo, fiquem tranquilas(os) que sim, o cabelo da noiva não vai ficar igualzinho ao dia da prova mas você vai amar, a decoração da mesa de doces vai dar problema no meio da tarde mas na hora que vocês passarem por ela e forem tirar as fotos ela vai estar linda e impecável. Vai aparecer quem não confirmou e não vai vir quem você jurava que viria. Posso dizer que longe das funções do salão de beleza e tudo mais, me envolvi um pouco com o pessoal da organização e vi como acontecem pequenos imprevistos em todas as áreas e que estar na mão de profissionais competentes é a melhor coisa para esse dia. Tudo foi arrumado, ajeitado e cuidado com um carinho enorme. Estava tudo impecável.
Assim que o cortejo iniciou, a emoção tomou conta. É uma sensação indescritível. Ver cada pessoa que amamos enquanto seguimos passo a passo, estar rodeado de padrinhos e madrinhas tão especiais, ver nossos sobrinhos e afilhados, nossos pais... Ainda hoje escrevendo me emociono. Ficar aqueles minutos parado, quietinho, observando, querendo saber como ela prendeu o cabelo, como é o vestido, ou até mesmo se ela não fugiu (rsrsrsrsrrsrs)... De repente a música dela, que era uma surpresa, toca e lá na pontinha onde o cortejo faz uma curva ela aparece, linda, caminhando em minha direção, é impossível segurar as lágrimas e não sentir o arrepio frio de emoção que corre o corpo inteiro. Depois de tê-la recebido, cada momento voa, parece que nossos pés flutuam! E no meio da cerimônia, na mesma curva que ela apareceu e me fez chorar, agora vem nosso cachorro carregando as alianças, com a cara mais linda do mundo, querendo ficar deitado nos nossos pés na hora de ir embora. Votos, bençãos e por fim, o melhor beijo do mundo!
Na saída do cortejo os convidados foram recebidos por um coquetel, enquanto as fotos eram tiradas com as pessoas na medida em que íamos recebendo os abraços e os parabéns, afinal queríamos fotos espontâneas! Após o jantar, a festa seguiu para a pista de dança onde pudemos dançar, curtir, brindar com todos e brincar com as fitas do bouquet, que coloriram o salão.
Chegou ao fim o dia pelo qual vivemos, falamos e sonhamos nos últimos nove meses de nossas vidas! Era a última vez que acordávamos como solteiros e o primeiro dia que dormiríamos como casados.
Somos tão gratos pelas pessoas que estavam nos bastidores pois pudemos curtir cada momento desse dia especial. Juro para vocês que curtimos o nosso casamento mais do que esperávamos que seria possível. Sempre deixamos muito claro que o nosso casamento teria que passar aos convidados uma única impressão... a de que cada coisinha, cada detalhe havia sido pensado no bem estar e no acolhimento de cada pessoa que ali estava. Cada um dos convidados, em algum momento das nossas vidas, nos acolheu, deu carinho, alegria, ouvidos, conselhos, nos guiou e cuidou para que cada passo resultasse em um sorriso. Com isto em nossos corações, queríamos que no momento em que nossa união estava sendo abençoada por tantas pessoas na cerimônia, nosso primeiro gesto como família seria acolher e mostrar para cada uma dessas pessoas o quão importante elas são para nós."


























































Compartilhe: Tweet This ! Share On Facebook !
Curta:

0 comentários:


Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Sempre Noiva © Copyright 2012
Design por Delikka